<                           

























quinta-feira, 18 de maio de 2017

UM TOQUE... QUE SEJA TEU...




   

 de um toque sentido,
desde que seja o Teu toque
que invade desejos
que arromba prazeres...
adora essa Tua mão atrevida
Eu nasci pra Te servir!
Já repetir essa frase mais de 1000 vezes

quarta-feira, 17 de maio de 2017

TU ME DOMINAS




Hoje viajei no tempo, na ousadia, na impetuosidade.  Por lembrar em ti.
E chorei.
Por não poder tocar-te ou oferecer-me, como fêmea. Como puta. Como serva... Como Tua escrava submissa aos Teus desejos, às Tuas paixões, às Tuas taras, aos Teus modos. Modos discretos, mas ousados.
Tu me torna nessa serva "languidosa", obscena, pincelada com hastes de vadiagem, tal qual uma partitura cheia de compassos.
Pois é no Teu leito de tortura e prazer, que noite após noite ela se "deposita" e sonha - acordada ou dormindo com seu Mestre e senhor amado, desejado...
Há momentos que nem sei se sonho uma realidade ou vivo uma realidade sonhada. Tua marka em mim é muito forte, inesquecível. Intensa.
Qualquer coisa Contigo é sempre bom. Obrigada por fazer parte da minha história, da minha caminhada...

tua serva ylena
eternamente

DE DOIS É SEMPRE MELHOR....







 











terça-feira, 16 de maio de 2017

COMPLETUDE

Ainda falando de  passados e presentes. o primeiro encontro a gente nunca esquece. Passe o tempo que passar.
Para esta serva ainda é um grande desafio relembrar tudo o que aconteceu. A conversa, o respeito, a saída... Mas algo Markou de forma inusitada aquela noite/aquele dia: as sandálias de tiras... Hoje guardadas como lembranças, assim como as roupas. Foi assim que me deparei com o mundo BDSM real. Saindo das fantasias e letras de outras pessoas para vivenciar minhas próprias letras, meus próprios desejos; ainda que de forma sutil, reservada, mas extremamente intensa.
Aliás, tudo foi absolutamente intenso! De amenidades para a concreticidade, para a ação, para o sentir... Pude entender ali que minha vida tomava um rumo desejado e com certeza sem volta. 
Nesses momentos quem manda não é mais a gente. Pois uma trama se articula de forma a nos convencer que  tudo isso envolve nossa vida.
Pertencimento. É assim que a gente se sente em relação ao seu Sr. Isso traz uma sensação de entrega confiante que simplesmente nos impulsionam a ir... Seja onde for, como for...

 

 




Porque no fim, restou ou resta a felicidade de um momento aguardado com muito tesão, desejos e servidão...
Completude com todas as Markas!


CORRENTES QUE LIBERTAM...








VIDA É VIDA!




Uma vez ouvi de alguém que eu vivo de passado.
Mas o que difere o passado, do presente e do futuro, se tudo faz parte de uma mesma história, de uma mesma trajetória?

Quero sim viver de passados passados, que se tornam presentes presentes.
Ai de mim se minhas memórias fossem esquecidas por serem passadas.
É por elas que revivo tudo que vivi. Especialmente da forma mais espetacular, especialmente com meu Mestre adorado
Obrigada, Mestre! Eu, serva ylena, eternamente cativa.
Este espaço, este blog, meu retrô  (que insisto em preservar a forma primeira desde o início), que costumo chamar de casa, é onde me encontro e reencontro. Há uma década que foi criado, aliás mais que isso. Merece uma grande comemoração em grande estilo BDSM. É aguardar direcionamentos.
Mas confesso que qualquer rumo ou direção traçada pelo meu Mestre é e será sempre o desejável para mim.
Ouvir aquela voz me faz tremer, SEMPRE!
São as emoções que o mundo D/s produz em que o trilha.
Eu trilhei, eu quero continuar trilhando. Está acima de meus interiores desejos. Faz parte da minha essência, da minha vida.
Se é passado, presente ou futuro... pouco me importa, vida é vida. Ontem, hoje e eternamente.



sexta-feira, 12 de maio de 2017

TUA CONDIÇÃO...





6. Quando aceitas com submissão a dor que te provoco, sei que estás a sofrer por Mim, e não para teu próprio gozo. É uma dádiva que Me fazes, e Eu tenho perfeita consciência de quão grande ela é.

(Wandedecken)