terça-feira, 30 de outubro de 2007

Invade-me!

quando sinto tua boca
invadir meu vulcão oculto,
viajo contigo
pelo mundo dos prazeres...
Entre!

domingo, 28 de outubro de 2007

Luxúria

(Paulo Mont'Alverne)

Quero descobrir

Teu corpo, teu suor
Percorrendo, correndo
Sem pressa os instintos.
Deixar mãos
Colarem pernas
Marcarem seios
Rasgarem bocas.
Quero tua descoberta
Feita em meu corpo
Na luxúria nossa de cada dia.

"Abro-me em flor
Para colher meu beija flor. "

sábado, 27 de outubro de 2007

Apenas Sonho Sonhado

(vava) 

Tentei te esquecer
não consegui
respiro aMOr por você
tudo me lembra você
a lua no céu, solta, livre
lembra-me do aMOr
que não tive
que nunca foi meu
que pena, amado
estou só, à sombra
sombra de um sonho a dois
sonhado por nós
nós... só lembranças
nós... saudade
nós éraMOs nosso desejo
ou o meu desejo
não sei,
dúvidas me rondam
lágrimas caem
seus beijos não as secam
você está distante
desistiu de nós
ficou a lembrança
... de nós
a vida é cruel
ou cruel soMOs nós
ficou o adeus
de uma despedida
que não houve
porque nós
não foMOs nós
foMOs sonho
sonho de nós...

quarta-feira, 24 de outubro de 2007

Meu Corpo Arde... Por Ti



(Foto: Blue Art Nude - Pypcia)
Não é por teu sorriso,


nem por tua voz

Que meu corpo treme

Meu corpo treme

desenvergonhadamente

por tuas mãos

E arde em sentir teu chicote

Em açoite...

Meu corpo arde

por te sentir...

Meu corpo treme

por teu contato...


quinta-feira, 18 de outubro de 2007

Provei-te... Ah, Provei-te!... Aproveite

(Ricky Bar)


E encontrei o prazer no teu corpo
Perdi-me nos teus lábios,
Encontrei-me nas tuas mãos.
Nossos corpos bailam juntos
É fogo que queima o desejo
E que arde em cada toque.
Ah...essas coxas em minhas coxas,
Encaixe perfeito,
Essa tua boca no meu brinquedo teso
Me levando a loucura,
A mais gloriosa aventura!
Teu gosto, teu cheiro...
Transforma tua menina
Nessa amante devassa, amante completa.
Agora vem...excita meus pensamentos
Acalma meus tormentos,
meus sonhos delirantes
Venha
Sou tua caça...
Sem resistência me entrego a ti, caçadora!

terça-feira, 16 de outubro de 2007

Queria Ser Teu Cafajeste

(Daniel Fiúza)
 

Queria ser teu cafajeste
E povoar teu sonho erótico
Te prover de prazer celeste
Ser tua paixão no aMOr exótico.
Queria provar teu corpo inteiro
Com minha língua te deliciar
Em teus gemidos ser parceiro
E nos teus gozos ser o teu sonhar.
Queria beber tua doce saliva
Sugar teus seios bicos salientes
Entre tuas pernas te fazer minha diva
Na minha boca em gestos indecentes.
Queria tua boca me provando
Sentindo minha força pulsante
Tesão em mel se derramando
Na explosão do prazer de amante.
Queria te sentir toda MOlhada
Para te possuir com meu vigor
No teu gozo de mulher amada
Também explodir nesse teu sabor.

segunda-feira, 15 de outubro de 2007

Após o banho, Nua

( Fernando Py )


Após o banho, nua ainda,
o corpo úmido ao meu encontro, visão,
relembro, cálido êxtase,
os seios entrevistos no decote frouxo,
agora, nua, toalha MOlhando-se,
ressurgem após o banho,
fremindo, suave embalo,
avidez de língua e mãos, nua,
vens, perfume, sulcos na pele,
ansiada espera, curvas,
a entrega ao meu olhar,
bocas, rosa túmida,
pétala, sucção, espuma,
resplandeces para mim,
nua, após o banho.

Meu Corpo - Teu Ninho

(paixãoimortal)


A simples lembrança dos teus dedos na minha nuca me arrepiam
Teu cheiro me habita a alma e meu peito,
arfante, te recebe.
Me abraça, vem dormir comigo
Me ajuda a apagar do peito aquela dor do querer.
A noite se instala em mim.
Lá fora, apenas o silêncio da noite do teu olhar.

Vem.
Ocupa com teu corpo esse abrigo que te chama.
Volta a ser minha Morada, teu abrigo
Faz de mim tua caverna, teu porto seguro.
Faz do meu corpo teu ninho.

Atordoada pelas saudades crescentes,
meu corpo todo se ouriça à tua procura.

sexta-feira, 12 de outubro de 2007

Quero um aMOr assim...

Quando estiver contigo
quero um MO irreverente
Que me pega nos braços
que enfeite meu corpo com o seu corpo
que agite mil loucuras dentro em mim
Quero um MO impaciente
Impaciente em me tomar,
em me ensinar...
Eu quero um MO
que seja para eu amar, amar eternamente...
Quero um MO que seja você, MO!

segunda-feira, 8 de outubro de 2007

aMO o aMOr

(Fernando Pessoa)
AMO como ama o aMOr
Não conheço nehuma
outra razão para amar,
Senão amar
Que queres que eu te diga
Além de que te aMO,
Se o que quero dizer-te
é que te aMO?

terça-feira, 2 de outubro de 2007

Eu me Perdi de aMOr

(Rosa Cleide Marques)




Eu me perdi no teu cheiro, na tua boca,
no teu beijo de amor e tesão...
Eu me perdi no teu sorriso, na sua calma,

no seu jeito de ser, na tua paixão...
Eu me perdi na brisa que te acalenta,

na grandeza do teu ser, na tua imensidão...
Eu me perdi no seu calor, no seu aconchego,

no seu olhar, na tua sedução...
Eu me perdi na tua boca úmida e quente...
Eu me perdi na total entrega

e me encontrei em ti...
...Eu me perdi de amor...

segunda-feira, 1 de outubro de 2007

Maliciosamente...

Quero tocar os meus lábios
Maliciosamente nos teus
Passear minha língua por tua boca
E sugá-la com todo tesão
Cobrir com minha pele quente
Este teu corpo chocolate branco...
Quero aspirar esse teu cheiro de homem
E nesse meu jeito de menina safada
Mostrar-te que sou uma mulher atrevida
Com esse teu olhar sedutor
Desnorteando meus sentidos...
Com tuas mãos maliciosas
Explorando este corpo chocolate marrom
Fecho meus olhos
E realizo os teus mais loucos desejos
Desvairado de tesão...
Quero elevar-te às alturas
Apenas para ver o teu rosto
Enlouquecido de prazer
Possuindo-me com toda tua volúpia
Misturando o teu... no meu...
E num abraço total
FundirMO-nos num orgasMO.
E só...