<                           

























domingo, 31 de maio de 2009

TUAS MARCAS EM MIM


Ter tua marca
é sinônimo
de êxtase presente e permanente.
Porque tua marca
é fogo,
é vento,
é dor,
é água,
é gemido que envolve,
é uma sintonia de prazeres,


é néctar num verão de primavera,
é paraíso que acalenta,
é espontaneidade,
é prisão,
é liberdade,
é magia,
é inferno,
é céu,
é mistério,
é encanto...

Aliás, tudo em TI é um encanto...


Saberei quais são tuas marcas?



ESCRAVA DA TUA PAIXÃO



Desnuda minha alma


Minha paixão, meu tesão.

Meu corpo já é teu.

Comanda a minha vida,

Especial Senhor.

És dono do meu destino.

Coloca-me algema,

Fixa-me na cama,

Meu pecado.

Pois sou a Tua escrava

Direciona meu amor só para Ti,

Senhor meu Feitor

Meu amado,

Meu opressor.

Usa Teu chicote de carícias

No meu lombo apaixonado.

Deixa tua marca

em sulcos suaves e carinhosos

na minha carne quente...

Usa-me para o Teu prazer,

Explora-me com Teu objeto,

Feiticeiro do prazer.

Deixa que Te adore ardentemente,

Sou Tua cativa submissa.

Desmaia nos meus braços e pernas,

De tanto prazer,

Poderoso Senhor

Deixa que me torne uma louca

Delirante e rude,

desconexa

Totalmente insana

Quando Te amar,

Te ofertar a mim.

Cura-me no Teu corpo,

Sensual macho

Absorve minha servidão imensa

Como Teu alimento.

Deixa eu Te fazer feliz,

como uma meretriz.

Mato-Te de tanto Te amar,

Morrendo no Teu prazer!!!


RABISCOS

Nesses meus rabiscos de puta-dama
Sou fêmea fabulosa, maravilhosa,
gostosa, charmosa, indecorosa, sensual,
intensa, perspicaz, inteligente,
instintiva, intuitiva, receptiva, criativa,
entregue, amorosa,
E hoje eu fui ao Teu encontro
naquela senzala fechada
Senti Teu beijo em minha alma
Voando em sonhos alados
Dessa incógnita esperança
de ser Tua musa submissa
O quarto, a cama, o calor... as cordas
Seguir em frente? Parar? Correr riscos?
Mesmo entre rabiscos?
O dia amanheceu ..
E lá estava eu largada no chão daquele quarto
Nua!
Despida de corpo e de alma...
Com uma taça de prazer
Na alma a sensação de plenitude...
Porque estava Contigo a me olhar...

POR UM SEGUNDO



Por um segundo apenas


Eu queria sentir-Te sobre meu corpo


Por um segundo apenas


Queria olhar em Teu olhar


Por um segundo apenas...


Ah! Possua-me assim sem trégua


Por um segundo apenas


Descubra-me e desbrave este corpo


Que tanto te espera


Por um segundo apenas


Deixa-me Te possuir do meu modo


Por um segundo apenas


Deixe-me Te ver Sem Te olhar


Por um segundo apenas


Deixe eu ser a guardiã de Teus desejos


Por um segundo apenas


Deixe eu cuidar do Teu prazer


Por um segundo apenas


Deixe eu matar minha sede eu Tua boca


Por um segundo apenas


Deixe-me prender e amarrar-me em Teus braços


Por um segundo apenas


Deixe-me ser Tua cumplice do prazer


Por um segundo apenas


Deixe-me sentir Teu peso sobre mim


Encaixado em meus quadris


Por um segundo apenas


Deixe-me sentir Tuas coxas


Em tom sobre tom com as minhas


Por um segundo apenas


Deixe-me sentir Teu suor


Banhanho minha pele morena com Teu cheiro


Por um segundo apenas


Faça-me morrer em Teu desejo


E viver pra Teu prazer...




sábado, 30 de maio de 2009

DEIXA-ME



Deixa-me perder no teu corpo
Deixa-me lamber os teus pés
Deixa-me acariciar tuas pernas
Deixa-me tocar tuas nádegas
Deixa-me beijar o teu ventre
Deixa-me roçar teu umbigo
Deixa-me sentir teu coração a bater
Deixa-me percorrer as tuas costas com meu corpo
Deixa-me provar o Teu néctar em meus lábios
Deixa-TE perder-TE em mim!

EU QUERIA



Queria te fazer um poema pornográfico,
com palavras obscenas e indecentes
elevar-te ao delírio
com minha boca atrevida e abusada
Mostrar-te
na minha feminilidade
todo meu desejo de puta no cio
Não quero amor
com capa de respeito
Quero loucos desvarios
Uma boa foda e seus efeitos
Com mistérios não civilizados
Que esqueça o amor
e transgrida o pudor
E depois te dando uma refeição completa,
de mim mesma: de boca a buceta...
Eu queria dizer
que tenho vontade
de escorregar entre tuas pernas
E sentir o Teu caralho em minha boca
E, loucamente ir provando Teu sabor...

sexta-feira, 29 de maio de 2009

MINHA BATALHA




O primeiro princípio para se submeter é obedecer. Ele sempre diz isso. E eu achava que estava obedecendo. Cada vez mais que acho que amadureço, que progrido, eu descubro que estou aquem. Cada ensinamento Dele desnuda mais ainda minha imaturidade. Eu fico triste e envergonhada. Choro por vezes. Às vezes a empolgação dá lugar às avaliações, às condenações, decepções, mas não posso negar a intensa alegria de pelo menos estar tentando e alguma coisa com certeza está ficando nesse aprendizado. Ser submissa é ser uma soldado. Tem que passar por uma série de treinamentos, leves, árduos, difíceis... MARKADA, surrada e no final ser aprovada. Não é fácil ir abrindo mão de viciados costumes, mais faz-se necessário. Há uma grande exigência e limites que por vezes são traduzidos em MARKAS invisíveis, física e até mesmo emocional. Sei que um Dominador nato gosta de dominar, controlar, guiar, e deseja acompanhar Sua submissa para que a mesma não se comporte de forma errada, inadequada aos propósitos de sua essência, sem que isso seja assim tão penoso ou difícil a Ele. E Tu és assim, meu Sr. O que Tu me proporcionas é muito além do que eu possa merecer como projeto de submissa, mas sei que é o correto para mim. E agradeço-Te! Creio que nenhuma cadela deseje ser desprezada por Seu Senhor, Dono e Mestre. E eu, mesmo não sendo uma ainda, também não desejo Teu desprezo, meu Sr. Peço Teus ensinamentos porque ser ensinada por Ti me traz enorme satisfação, excitação e orgulho. Quando penso no privilégio de ser treinada por Vossa pessoa para servi-Lo, em fico embevecida. Sou uma soldado rasa, e quero lutar, vencer cada batalha e no final está diante de Ti, totalmente aprovada e preparada para Te servir. Isso seria minha graduação de posto. E eu Lhe asseguro que lutarei e vencerei, porque é isso que meu coração sempre desejou. Perdoai-me pelas feridas da batalha, representada aqui por minhas falhas teimosas, instáveis e estabanadas. Mas creia o Sr, que cada vez aprendo mais e esses erros serão degraus e farão parte do meu aprendizado, impulsionando-me para acertar da próxima vez. Aqui mortifico o meu eu e o entrego a Ti. Ficarei cega para mim, enxergando apenas Teu querer e Tuas ordens. 


MOLIÈRE




"A maior ambição da mulher
consiste em inspirar amor.
Todos os seus cuidados
se limitam a isso
e dificilmente se acha uma mulher
que não se empenhe
em conquistar o que
os seus olhos elegeram."
(Molière)

quinta-feira, 28 de maio de 2009

FOREVER BY YOUR SIDE


The Manhattans

Friends, we started out as friends

Friends turned into lovers
Do you remember when
I held you
For the very first time
Love me it is so easy girl
For me to speak my mind
I've said:
I want you
I need you
Oh man how I believe in you
You're the light that has always seen me through
In you I could find
That I will be
Forever by your side
Now we see our love has grown
And these have been the sweetest times
That I have ever known
And I know that it will never end,
'Cause every time I look at you,
I fall in love again
I want you (want you)
I need you (need you)
Oh man how
I believe in you (you're the light)
You're the light (that shines)
That has always seen me through In you
I could find That
I will be Forever by your side
Longer than the sun will shine,
Love is a tie that binds, forever, forever
Two hearts are meant to be one love eternally
Together (together), forever, forever

quarta-feira, 27 de maio de 2009

MEU DOMINIO




O prazer reside no cheiro

no desejo de te ter sob meus domínios

És tu que me serve

mas sinto prazer infindo

em te ter subjugada a mim

e tocar-te.



QUE PRAZER É ESSE?

Dom Resende


 



Hoje acordei com uma saudade insana e febril...
Que prazer é esse que marka com saudade intensa e estranhamente saborosa, cheio de sensualidade?
Que prazer é esse que se regozija diante da entrega sofrida de almas subjugadas e humilhadas?
Que prazer é esse que ri em ver que o outro chora.
É estranho acordar com saudades desse prazer. Tenho que assumir meu estranho prazer em judiar, humilhar e subjugar o outro.
Eu não sei explicar nem o prazer e menos ainda o desejo irreprimível de judiar de corpos que se entregam de maneira tão doce em minhas mãos: Surrar, pisar, urinar, rasgar a pele no couro do meu cinto. Não sei explicar o desejo de ver a sina angustiosa e humilhada da escrava aos meus pés. Não encontro a razão de querer possuir a alma de alguém só para usá-la egoisticamente para meu deleite. Talvez um prazer insano, diriam alguns. Não sei explicar. Mas também não quero explicar, nem entender, quero só vive e experimentar, porque sem isso tudo fica inodoro, insípido, sem viço, descolorido.

DE TANTO AMOR

Roberto Carlos/ Erasmo Carlos




Ah! Eu vim aqui amor só pra me despedir

E as últimas palavras desse nosso amor,

você vai ter que ouvir

Me perdi de tanto amor,

ah, eu enlouqueci

Ninguém podia amar assim e eu amei

E devo confessar, aí foi que eu errei

Vou te olhar mais uma vez,

na hora de dizer adeus

Vou chorar mais uma vez

quando olhar nos olhos seus,


A saudade vai chegar

e por favor meu bem

Me deixe pelo menos só te ver passar

Eu nada vou dizer perdoa se eu chorar...



PARABENS



Nada como chegar nesta data e ver tudo que passamos, o que vivemos, foi e é muito bom.

É muito bom saber que os anos vão, os sentimentos ficam....

Mais um ano que está se "iniciando" ou "findando" sem você.

Dias que se passaram...

Lembranças guardadas, que ficam na memória do coração.

Amores passados ( ou seriam amores presente? futuro?)

Felicidades

Saudades...


Tudo... Tudo nos faz sentir bem...

Tudo o que nos faz sentir vontade de voltar

Aprendemos com o que fizemos ou deixamos de fazer...

Com os erros e os acertos

As dificuldades que superamos ou colocamos

Tudo nos MARKA... e nos faz perceber que apesar "dos"...

Foi e É muito bom conhecer pessoas especiais!

Hoje realmente é um grande dia, afinal de contas mais 365 dias se passaram na tua vida e na minha, e com eles a esperança de novos sonhos, novas conquistas e também novos projetos de vida.


Mas as lembranças são visíveis e markantes...





FELIZ ANIVERSÁRIO PARA NÓS! 
afinal, hoje é dia de comemorar!



terça-feira, 26 de maio de 2009

quinta-feira, 21 de maio de 2009

DANDO UM TEMPO...




Amigos visitantes,

estou dando um tempinho nas postagens,

mas espero que vocês voltem sempre

e revejam as imagens, os textos, enfim

todos os posts,

pois tem muita coisa boa por aqui!


Obrigada por cada visita,

mesmo silenciosa, cada comentário.

Por vocês

chegamos a mais de 20.000 acessos!

Até a volta!






bjos com sedução,



ESCANCARANDO DE VEZ

Elymar Santos








Tem certas coisas que são muito perigosas


Situações um tanto quanto escandalosas


Mas sempre vale a pena até correr o risco


A vida é pra viver...



CASCALHO E DIAMANTE




Se observares bem


verás o que não viram


Se observares bem


descubrirás que em meio a cascalhos


disformes, multiformes e pontiagudos


pode existir um diamante,


muitas vezes solitário


à espera de ser encontrado...


Garimpe-o!

MOMENTO

(arcoeflecha)



Conta-me…
Como é o teu sorriso
Quando te surjo em pensamentos

Diz-me…
Como bate o teu coração
Quando escutas as musicas que partilhamos

Segreda-me…
Como ficam os teus olhos
Quando me lês

Sussurra-me…
Como fica o teu corpo
Quando me sente…

Mostra-me com os teus lábios,
o que eu ouço …
com a minha pele!

TENTATIVA

Marcio Greyck



Na tentativa de esquecer você
Já fiz de tudo o que podia
E não achando uma solução
Me vi perdendo as rédeas do meu coração
Te amei ainda mais, querendo não te amar...
Andei por uma estrada muito longa e pensei
Que um outro alguém podia aparecer...
E de repente nesse meu caminho
Um novo amor pudesse acontecer
Não sei o que fazer da minha vida
Se pra viver preciso de você!
Na tentativa de esquecer você
Já fiz de tudo o que podia...

VIVENDO POR VIVER

Marcio Greyck






Sem motivo vou vivendo por aí, por viver


Meus valores tão confusos, reprimidos por você


Troco passos sem sentido pelas ruas,


sem saber aonde ir


E viver, já nada mais significa, até já me esqueci


Volto para casa, onde eu procuro me esconder


De pessoas que acreditam meus problemas,


resolver


Mas eu insisto em cultivar sua presença


mesmo sem você saber


E ainda espero a cada dia a sua volta, é só você querer


As lembranças me chegam sempre em noites tão vazias


E mexem tanto com minha cabeça


Que quando o sono vem, o dia já nasceu


A distância, me tira pouco a pouco a esperança


De ter você comigo novamente


E reviver aquele nosso grande amor


Tantos planos, sonhos feitos em pedaços por você


E... que tolice, tanto amor desperdiçado por nós dois


E na solidão me agarro a qualquer coisa,


que ainda resta desse amor


Pra sentir sua presença novamente, seja como for

quarta-feira, 20 de maio de 2009

NÃO SEI ONDE TE ENCONTRAR...

Marcio Greyck




Você que me deu sonhos e me deu a paz
Eu não sei se te busquei por solidão,

ou porque...
Talvez eu me enganei,
Eu sei que simplesmente te necessitei!
Como eu queria novamente começar
Porém, eu não sei onde te encontrar!

O MAIS IMPORTANTE É O VERDADEIRO AMOR

Marcio Greyck
Raul Seixas


Quanto sinto em dizer-te

Que me podes desprezar

Logo, logo

Sei que devo deixar-te

Já não posso mais sonhar...

Você fica tão calada

Não sei mais o que fazer

Se te sentes

Por minha culpa, desprezada

Sei que não terei perdão...

Te asseguro que esta noite

Voltarei para quem amo

Sei também que não é hora

E nem é fácil

Mas perdão te pedirei...

Nós sabemos que num instante

Nosso amor se acabou

E compreendes

Que o mais importante

É o verdadeiro amor...

Você deve compreender-me

Se eu quis sonhar

Pois você teve a idéia

De querer-me

E isso eu quero esquecer...

Para que pedir carinho

Que não vale mais

Porque o meu destino

Está tão marcado

Ah! Minha vida, outra vida

Um amor de verdade...

IMPOSSIVEL ACREDITAR...

Marcio Greyck



Não, eu não consigo
Acreditar
No que aconteceu
É um sonho meu
Nada se acabou...
Não, é impossível
Eu não consigo
Viver sem você
Volte e venha ver
Tudo em mim mudou...
Hoje mais um dia
De tristeza
Para mim passou
Nem o meu olhar
Nada se alegrou...
Sinto-me perdido
No vazio
Que você deixou
Nada quero ser
Já nem seu quem sou...
Eu já não consigo
Mais viver dentro de mim
E, e viver assim
É quase morrer
Venha me dizer sorrindo
Que você brincou
E que ainda é meu
Só meu, o seu amor

INFINITO

Marcio Greyck





Andar pelo horizonte sem mistério
E vou olhar teus olhos por que são sinceros.
Na minha viagem pelas estrelas tu terás.

O amor sincero, o infinito que não verás
Agora pegue as minhas mãos, mas pegue com calor.

Você não pode recusar, o meu amor que é teu...

IMPOSSIVEL ACREDITAR QUE PERDI VOCÊ

Marcio Greyck





Sinto-me perdida

No vazio

Que você deixou

Nada quero ser

Já nem seu quem sou...

Eu já não consigo

Mais viver dentro de mim

E, e viver assim

É quase morrer
....



TUA PRESA




(Patrícia A.Ferreira)



Ser tua presa.
Sentir teu corpo tão mais forte,
tão maior, subjugar minhas vontades,
manear meus gestos, obrigar meu corpo.
Sentir-te invadir meus becos,
meus cantos, minhas frestas,
preencher meus vazios,
abrir caminhos entre minhas carnes,
extrair meus fluidos, gemidos,
separar meus lábios, te adonar de mim.
Teu jugo se inaugura sempre novo
em ritual de caça e saciedade onde me farejas,
me intuis, me procuras e me possuis,
onde lambes meus dedos,
arranhas minha pele,
feres meus ombros,
imprimes em mim tua marca
e fazes que eu me saiba tua,
por puro instinto.

TATUAGEM

Chico Buarque







Pra me perpetuar em tua escrava


Que você pega, esfrega, nega


Mas não lava


Quando a noite vem


Quer ser a cicatriz risonha e corrosiva


Marcada a frio, a ferro e fogo


Em carne viva


Arpões, sereias e serpentes


Que te rabiscam o corpo todo


Mas não sentes

A CHEGADA





Eram 19.00h quando o avião aterrissou, duas horas de atraso! Mas que merda! Nas também com todo esse over book causado pelas empresas aéreas. Ansiedade, desejo, tesão, medo. Era um misto de sentimentos indescritíveis. Mas nada, nada mesmo comparava à vontade de estar ali, aos seus pés. Passar minha língua pela sua boca e apertar com meus lábios morenos, destacados em tom de rosa pelo batom escolhido, os lábios de meu senhor. Ah! Como desejei esse momento e agora estou ali, quase diante dele.


Fiquei aguardando sua chegada. Ele chega logo depois, meio atrasado também, por conta do trânsito. Achei ótimo, pois assim não precisou me esperar, nem eu a Ele.

E o coração já estava em taquicardia, agora parecia que sambava louca e freneticamente. Um tremor tomou conta dos meus lábios, minhas mãos retesaram-se quando O vi a passos largos se dirigir em minha direção. Como já tínhamos previamente combinado eu estaria de um caso, com um decote generoso e entreaberto e saia. Só que eu usei apenas o casaco, um espartilho preto e sandálias de tirinhas, bem alta. Caprichei na maquiagem, dando destaque aos meus olhos e boca, claro. Adoro meus lábios. São sensuais e quando pintados da forma como estou agora, ficam com um convite implícito. Um convite a pecar. Com um ar de puta virginal.

Como sabia que era Ele, com todos meus aparatos sentimentais, fui ao Seu encontro. Olhar baixo. Mas morrendo de vontade de olhar nos olhos de meu Senhor, Mestre e Dono. Uma vontade incontida de me perder dentro de Si. Desejo esse alimentado por tanto tempo! Mas não podia. A não ser que Ele ordenasse.




Ele parou diante de mim. Fui lentamente me prostrando ante Sua presença, ia cumprimentá-LO com um beijo nos pés, coisa que sempre desejei fazer; mas Ele segurou-me, levantando-me e fazendo-O encarar Seus olhos que pareciam uma colméia de abelha de tão castanhos que eram, mas de uma autoridade, mesmo na penumbra da noite.

Entreabri os lábios e levantei a cabeça, olho-O e num ímpeto incontido, senti Seus olhos sobre os meus, Sua língua invadindo minha boca, buscando os meandros dos meus recantos guardados para Ele. Nossas línguas conhecem-se, tocam-se, sorvo Seu sabor quente, desejado, adorado e agora presente.

Parecia que iria me engoli pela própria boca. Eu me perdi em Seus desejos e comecei a gemer, a tremer. Agora um tremor diferente. De desejo. Um desejo imensurável de tê-lo em mim. Em ser usada como Sua vadiazinha.




Splaft!

Acordei de mim com uma bofetada na cara.

Foi quando Ele, totalmente eriçado, afastou-me e recebeu assim: com uma bofetada e com o cacete em riste.

- Bem vinda, cadela! - Isso é pelo tempo que me fez esperar para tomar posse do que já me pertence.

Recobrei minha posição de serva, baixei a cabeça e olhar.

- Perdão, meu Sr! Isso nunca mais ocorrerá. Pois a Ti pertenço por querer, entrega e pelo pacto eterno que minha alma fez contigo.

- Siga-me!

Eu o segui, alguns passos atrás, pois Ele andava bem rapidamente. Ele entrou no carro e eu meio relutante entrei no lado do carona com minha mala pequena, cheia de sonhos, desejos e outros apetrechos. Era meu enxoval sm. Ele apontou para a o zíper e disse:





- Vês o que provoca em mim e o que está te esperando, cadela?!

- Se meu Sr desejar eu já posso ir fazendo um carinho em seu cacete com minha boca.

Fui me abaixando, desejosa de poder senti-Lo desde já. Mas fui impedida com um puxão de cabelo.

- Ainda não cadela! Vamos para o hotel.

Voltei para meu lugar. Caim. Caim. Caim.

Meia hora depois chegamos ao hotel...

terça-feira, 19 de maio de 2009

A PESSOA CERTA




Quando idealizamos por demais


perdemos as oportunidades de encontrar as pessoas certas!
Mas mesmo assim, eu te idealizei e te encontrei.


Você é muito mais do que certa para mim!


Por isso, Adoro-Te, SR!




FRUTAS

Tua fruta

na minha fruta...

Vamos fazer salada mista?








LOUCO DESEJO






(Michel H. Baruki)

Eu invento, imagino, te desejo,


e viajo nas galáxias dos meus sonhos,


te quero co’ um amor sincero e puro,


mas dentro do teu corpo que eu me ponho.


Quantas vezes te dispo, depois lambo,
vou dobrando as esquinas dos gemidos


e esgarças tuas coxas me ofertando


teu cheiro que me deixa enlouquecido.




É bom nadar em cima do teu corpo,



lamber o teu suor, beijar-te a boca...


virar com a língua o sexo pelo avesso


pra ver o teu olhar de ninfa louca.


Mas é dentro de ti que eu me derreto,


nós dois num só nirvana de paixão


e enquanto descansamos nossa fome


te beijo com o olhar da solidão.


Eu sonho meu amor, sonho contigo,


dormindo ou acordado eu te reclamo


mas dentro da distância destes versos


eu tento demonstrar o quanto te amo.



.....................................


estarei sempre pronta para TI, meu Sr!...

ANTÚRIOS



A flor do poema

que lembra você