<                           

























sábado, 30 de março de 2013

A TI ME OFEREÇO







A necessidade de se entregar é um dos grandes paradoxos do amor. Entregar-se pode parecer desistir ou se render. Mas, na realidade, nos fortalecemos quando escolhemos conscientemente nos tornar vulneráveis. Sentimo-nos poderosos por compartilhar nosso mais profundo intimo com outra pessoa, oferecendo a ela nosso coração nossa alma e nossa vida. É assim que me entrego a ti, Mestre. Sem reservas.
Eternamente TUA SERVA.





QUE PRAZER!




   di M


É um prazer que envolve esperas, às vezes longas, às vezes curtas, mas todas essas esperas absolutamente desejadas, festejadas – quando concretizadas com a chegada e o encontro.

É um prazer revelado pela dor, pelas lágrimas, pelo sangrar – literalmente. A gente chora, a gente ri, a gente é ferida na carne, na pele, e às vezes no coração.

Mas em contrapartida quem poderá medir a intensidade do prazer sentido quando está ajoelhada diante do seu Mestre, do seu Senhor, do Seu Dono?

E quando isso tudo vem regado pelo néctar do seu gozo, daquele característico cheirinho que vai lambuzando seu rosto, seus desejos, seu íntimo?

Que prazer tudo isso!
  
 


FEMININA E SENSUALMENTE OFERECIDA...



 
 


quinta-feira, 28 de março de 2013

MARKAS DE APRENDIZADO






E essas markas de muitas esperanças, muitos aprendizados, crescimentos em várias áreas da minha caminhada em busca e doação do prazer BDSM. Findo arrancando  muitas urzes pelas estradas e o Sr meu Mestre, como um Excelente  Mestre me conduziu pelas veredas certas. Obrigada, mestre.

A ARMA DA SERVIDÃO - FRAGMENTOS DE TEXTOS





Chama-a de serva inútil, ao mesmo tempo em que fascinado pela semi-inocência de sua serva, uma mulher-menina - com um misto de maturidade virginal, mas que, no entanto, escondia uma perigosa arma: a arma da servidão, da aprendizagem, da subserviência. Elementos que desmonta qualquer dominador. 
A entrega total de sua serva.




QUE PRIVILÉGIO É!





Para mim, Tuas palavras se tornam regras bdsm,

É tão privilegiável  ter seu contato, ter suas palavras!


 

 

QUANDO TE SINTO PERTO...







Quando te sinto perto

meu coração entra em verdadeira erupção. 



Tremo toda, babo toda. 

A buceta obedece ao teu comando

e eu fico feliz em te servir.

Delícia!