<                           

























segunda-feira, 3 de julho de 2017

CÁLICE






O que eu quero?! 
O mesmo que Tu queres:
horas e horas represadas
em puro tesão, prazeres e dedicação.
Um cálice sem que ninguém tenha de calar-se.
Com gemidos e gritos...
gozos escorridos e colhidos
como  brinde de celebração!

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário