quinta-feira, 31 de agosto de 2017

NAUFRÁGIO




Viajar pelo Teu corpo

é se entregar em caminhos nunca imaginados

é naufragar convulsivamente

em delírios e emoções  - (hummm - inesquecíveis)

é ficar perdida à deriva

do mar revolto de marés altas...

Mestre, deixe-me naufragar em Teus sabores...





ESCUTEI OS MURMÚRIOS DE MEU CORAÇÃO








Cidália Ferreira
http://coisasdeumavida172.blogspot.com.br/2017/08/escutei-os-murmurios-do-meu-coracao.html




Desinquieta, deixei a cadeira vazia
Saí... à procura de ti.. do meu eu
Das minhas palavras
Dos meus sentimentos entrelaçados
Dos meus momentos de poesia
Dos meus segredos,
Talvez dos meus devaneios, sei lá, 
Procurei o motivo porque ainda existo,
.
E por isso, procurei o teu aconchego
Entre as névoas, belas, instigantes
Que se entrelaçam em meus pensamentos, proibidos,
Mas neste silêncio, onde nem o vento ouvia
Escutei os murmúrios do meu coração
Em palavras silenciadas na saudade,
Porque só tu, me deixas na verdade
Desinquieta, por pensamentos e desejos constantes.

TANTAS FANTASIAS


 Desenvolva e realize a sua!

Aqui,
 a serva é tanque de receber prazer...
e de dar prazer... 
Enfim...
o importante é que 
todos saem ganhando,
 satisfeitos e felizes...

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

PROCURO-TE SEMPRE!







Procuro-te no silêncio

Na harmonia de uma canção romântica

Na melodia que toca o ritmo do meu coração

Procuro-te nas estradas

Pelas ruas e nas calçadas

Na memória, no passado,

na janela ao meu lado

Procuro-te naquela chuva insistente

De gota e orvalho presente

Nesse mar de sorriso, nesse rio de soluços

Procuro-te nos fetiches, nos desejos, no silêncio

Em cada canto esquecido

Em cada momento vivido

Procuro-te em tudo que se encontra ao meu lado

Nas paralelas da vida

Pelos atalhos, pelas estradas...

Procuro-te!...