<                           

























Mostrando postagens com marcador COLEIRA. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador COLEIRA. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 10 de julho de 2017

PENSO EM TI, MESTRE!




Sabe aquela sensação de toque, sem tocar,
de presença, sem ver?
É assim que hoje estou. Te sentindo perto, sem tocar.
Será que faço parte nalgum momento de Teu pensamento?
Queria que Tu  sentisse a intensidade da minha presença mesmo sem me ver... Mesmo sem me tocar...
Ocupando Teus pensamentos, alimentando Teus desejos...
Penso em Ti, Mestre adorado!

sábado, 1 de julho de 2017

SÃO SENTIMENTOS...





É a mais pura verdade... 
Aqui

Não é apenas escrita

são sentimentos expressos.

Expressos a um homem dominador

que transformou

uma simples fêmea

numa serva

repleta de paixão em servi-Lo!

sábado, 17 de junho de 2017

sexta-feira, 16 de junho de 2017

DESEJEI-TE!






Hoje - como sempre
Desejei-TE!
Intensamente
pulsantemente
com o coração delirante
com a buceta latente
Desejei-Te!

Fico horas e horas a olhar Tua imagem
Vou me embriagando com cada detalhe Teu
Cada traço
cada marka
Essa marka que me marka

Hoje mais do que nunca, mestre: 
Desejei-Te!

segunda-feira, 5 de junho de 2017

PRAZER MOLHADO




Seiva é o alimento que Tu me ofereces 
quando me permite estar em Tua presença.
Delicio-me Contigo, sempre.
pois Tu tens o poder de controlar meu espaço 
Até aqueles que se constroem dentro de mim. 
Andar com 2 plugs sem calcinha, totalmente  "seivada",
 esfregando as coxas para que os mesmos  não caiam;
sentindo Tuas mãos retirá-los de dentro de mim...
Isso vos parece loucura?
Que sensação de loucura! 
Que tesão de loucura Tu provocas nesta serva!


sexta-feira, 2 de junho de 2017

sexta-feira, 12 de maio de 2017

TUA CONDIÇÃO...





6. Quando aceitas com submissão a dor que te provoco, sei que estás a sofrer por Mim, e não para teu próprio gozo. É uma dádiva que Me fazes, e Eu tenho perfeita consciência de quão grande ela é.

(Wandedecken)

quarta-feira, 26 de abril de 2017

NO SILÊNCIO

No silêncio
sempre bom ouvir o som de Teu prazer
Mexes com minha imaginação...

Estou aqui, 
sempre em silêncio, 
mas clamando por Tua marka...






ETERNOS DESEJOS...






Todas as sensações do Teu toque
todos os desejos em Te sentir...
sempre




segunda-feira, 17 de abril de 2017

POR FORA




Mestre,
mesmo que esteja eu ausente, resolvendo assuntos pessoais por alguns dias, Tu ainda serás sempre o alvo principal dos meus desejos e pensamentos. 


sábado, 15 de abril de 2017

sexta-feira, 14 de abril de 2017

AS MARKAS MARKADAS









a memória traz guardada 
todas as markas de um momento 
 eternizado no corpo, nos desejos e 
acima de tudo num coração altamente submisso
aos desejos de um Mestre com M.
Recebo Tuas markas como lenitivo para aplacar
esses desejos insano-profanos
luxuriantes que minhas taras por Ti nutre...


quinta-feira, 13 de abril de 2017

TOME!



Tome! 
pois é assim que a Ti pertenço
sem reservas
sem hora certa
sempre e eternamente
a guia não é uma prisão
é o laço que conduz
para bem perto de Teus prazeres...
Tomes a mim...
Eis-me sempre...

domingo, 26 de março de 2017

PRISÕES QUE LIBERTAM...


 liberdade para o prazer
prazer em estar Contigo
são estas prisões que libertam
minhas feras, minhas fantasias...



quinta-feira, 9 de março de 2017

QUERO FALAR SOBRE BDSM






Olá, neste dia altamente significativo, como mulher, quero falar um pouco de minhas impressões BDSMistas.
Muitas pessoas que não vivenciam na pele, no corpo, no coração, na alma os desejos BDSM interpretam de forma equivocada esse estilo de prazer, de vida, de desejos. Que não foge do rotineiro das pessoas. São apenas algumas pinceladas de prazer regado com picantes posturas que caminham entre a dor do prazer e o prazer da dor.
Nessas nuances BDSM  todos saem ganhando, pois quem oferece também recebe e quem recebe também oferece. Há uma troca, um compartilhar de fantasias, de paixões, de seduções.
Engana-se quem acha que a mulher submissa é uma fêmea inferiorizada ou inferior. Pelo contrário! Ali reside a superioridade da fêmea, que tem a plena liberdade em poder escolher servir, servir àquela pessoa de quem gosta, com quem se sente bem, e decidiu fazer a entrega não apenas de um corpo imóvel, mas de sentimentos, de momentos, de vida...
Viver BDSM é viver a vida! Foi aqui que me encontrei, apesar de ter me perdido de desejos pelo meu amado Mestre. Ele me leva pelos prazeres Dele que se confundem com os meus próprios. Ele me faz amadurecer na relação, na vida e me impulsiona rumo ao mesmo crescimento como fêmea-serva.
Quando não sou regada pelos Seus 'ensinos', sinto-me desprovida de conhecimento SM. Suas orientações são fragrâncias  de sabedoria na minha condução e construção subserviente.
Liberdade para mim é estar cativa aos Seus pés, em Suas mãos, em Seus laços, independente de tempo, ofertando, sempre o meu melhor de serva.


Quem pode falar sobre BDSM é quem viveu na pele o sentido desse acrônimo. 
Se você não viveu na pele pelo menos 6 meses de uma relação assim, desculpe-me, você não tem autoridade para falar nem contra nem a favor.
Até porque está na essência da pessoa, você não consegue fugir, se soltar... Você sempre quer é entrar mais... Dê a volta que a mundo der, gira para onde girar... Se entrou na corrente sanguínea, agora compõe o próprio DNA da pessoa.
Meu DNA tem Tua Marka, Mestre! Tenho orgulho em trazer-Te em minha consistência de serva. Eu assim nasci em Tuas mãos. E quero continuar a ser moldada com  essa Tua Marka de dominador! Até quando?! Sinceramente não sei. Mas enquanto houver possibilidades de gozar de Tua presença...
Adoro os desafios que Tu me impões. Aprendi a superar limites, a desejar um metro a mais, principalmente quando lembro de tuas palavras onde me ensinaste que cada treinamento de prazer é prazer,  mesmo "em face à dor que deve ser desconsiderada."
Tu me carregas Contigo nesse mundo de  tesouros. O mundo BDSM é fascinante, erótico, é fetiche! Minha existência tem razão no aprimoramento de Teu mundo de prazeres. Como não agradecer-Te, sempre?! Obrigada, meu Sr! Esse é o meu destino, o destino da serva ylena!