<                           

























Mostrando postagens com marcador ESCANCARADA.. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador ESCANCARADA.. Mostrar todas as postagens

domingo, 23 de julho de 2017

DESEJOS LASCIVOS


É em Teu corpo
que me encontro e me perco
É em Teu corpo
que realizo
os meus sonhos profanos,
É em Teu corpo que navejo
É em Teu corpo que arfo de desejos
e deliro de tesão
É em Teu corpo
que faço minha lascívia florescer
É em Teu corpo que trilho
quando quero prazer
eu bem sei que Teu corpo
é minha perdição...

mas também é minha rendição.

quinta-feira, 20 de julho de 2017

QUANTAS VEZES?....








Quantas vezes
eu te busquei em minha mente
te encontrei em meus fetiches
te beijei em meus pensamentos?!

Quantas vezes
preparei a ‘mala’
arrumei o corpo
me molhei por dentro
para te encontrar
para te ofertar-me... ?!

Quantas vezes
chorei tua ausência
imaginando tua presença
sentindo o teu olhar ?!

Quantas vezes...
quis matar essa desgraçada saudade
que não mede tempo-idade
apenas para te encontrar... ?!

sexta-feira, 7 de julho de 2017

quinta-feira, 6 de julho de 2017

DE SONHO EM SONHO


Mestre,
Nunca os sonhos foram tão reais!
Nesta madrugada, após assisti o noticiário fui para minha alcova. Lá pude pensar no meu Mestre amado, e nesse intenso pensamento adormeci com Tua imagem em minha mente, em meus desejos. E como num passe de mágica a realidade se perdeu e se misturou com minha dormida... Como que em transe pude sentir Tua aproximação. Pude ver Teu andar. Pude ouvir o som sussurrado de Teu "quase" silêncio. 
Eu, de de bruços e pernas entreabertas pude sentir o toque de Tuas mãos passeando por sobre mim; sentir Tua respiração se aproximando de forma perigosa do meu corpo inerte, mas vivo e pulsante, clamando por essa Tua marka...
Aquelas mãos... Mil pensamentos delineando a mente. Mil desejos na boca entreaberta, no olhar fechado...

Sensações muitas, mescladas com tantos desejos... Entre eles, a  felicidade. Felicidade em estar em Tua  presença; em sentir Teu corpo; Tuas carnes; Tua voz... Teu pulsar... Um suspiro de satisfação e gratidão por essa Tua presença especialmente desejada .
Enquanto me inebriava com o toque avassaladoramente suave de Tua mão, dei um involuntário grito.
Sim, impulsivamente eu gritei;  quando senti Teus dentes em minha coxa, quase bunda.  A dor provocada pela mordida deixando as markas de Teus dentes não foi tanto comparada ao susto. Até porque sempre apreciarei qualquer marka vinda de Ti. E assim acordo madrugada com Tua boca a me morder, sem que estivesses presente em minha cama... e eu passando as mãos pelas coxas procurando a marka de Tua boca em minhas carnes quentes...

segunda-feira, 3 de julho de 2017

DILATAÇÃO

Hoje dormi e amanheci Contigo em meu pensamento
Claro que isso não é novidade na vida desta serva
Mas descobri  uma coisa interessante: minhas pupilas dilatam quando penso em Ti, quando olho Tua imagem.
Descobri que as pupilas aumentam quando estamos em estado de excitação, de alegria...
Mestre, estou sempre de pupilas "esbugalhadas" quando penso em Ti
E como numa sinfonia orquestrada, várias outras reações encadeiam meus sentidos:
minha pressão e respiração aumentam; o meu coração acelera, a boca fica seca...
Isso é muito bom, revela-me que há uma serva viva dentro desta fêmea.
Obrigada, por Tua presença, meu Senhor. 
Isso dá um incentivo desgraçado em continuar.
Tu tens o poder de me dilatar sem estar presente, 
quanto mais estando em Tuas mãos...
Aberturas e dilatações totais!

terça-feira, 13 de junho de 2017

CHEIRO DOMINADOR




É esse Teu cheiro de Dominador
que me mantém cativa de Teus desejos;
É esse Teu cheiro dominante
que vai ungindo cada parte do meu interior
que se explode em meu exterior,
feito pipocas de São João
Eu quero Te sentir em mim de todas as Tuas formas
sentir o sabor de Tua boca
o vai-vem da Tua língua
de Teu cacete
de Teu suor
quero sentir o cheiro deste Teu corpo de macho Dominador
quero sentir Tuas mãos ousadas
esquadrinhando meu interior quente,
meus desejos ardentes
Ah, esse Teu cheiro de Dominador!
que me desmonta toda
que me revira olhos, que me causa calafrios
que me abre toda em flor, escancarada
e em oferenda a Ti!




sexta-feira, 9 de junho de 2017

EXPLOSÕES DE DESEJOS E TESÕES







nem precisam palavras para expressar a intensidade deste tesão;
tesão provocado pela junção dos desejos 
de uma fêmea e um macho
ou uma serva e um dominador.
quem sabe entre nós...

sexta-feira, 28 de abril de 2017

SEMPRE OS MESMOS




Expectativas...
Momentos...
À espera:
de um toque
- na alma
- no corpo
- no telefone
uma ordem
uma mensagem...
E agora?
Seguir ou Não?
Parar ou Não?
Ir ou Não?
Ficar ou Não? 
Chorar ou Não?
Dúvidas permeiam a mente
Desejos  incendeiam o coração...
Silêncios que gritam
incomodam
retardam...
Retardam desejos guardados, ansiados
retardam os preparos longos
esperançosos
comemorativos

Fome!
fome de sentir
fome em TE sentir
fome de comer
fome de comer-Te

São sempre nesses momentos
que Tua marka se torna
mais necessária,
mais desejosa...


segunda-feira, 10 de abril de 2017

EU TENHO SAUDADES DE TI...



cada vez que nesta casa adentro
e a acho vazia de Tua presença
me dá uma saudade desgraçada de Tua marka!!!
Eu tenho muita saudades de Ti, mestre,
sempre!


segunda-feira, 3 de abril de 2017

POR TI, MESTRE!


é por Ti toda minha tara
é por Ti todo meu desejo SM
é por Ti que me envolvo, me resolvo
é por Ti que vou ou venho
é por Ti minhas fantasias
é por Ti que me submeto 
é por Ti que serva sou
é por Ti que eu vivo e morro de prazer
no Teu prazer de sentir...





sábado, 1 de abril de 2017

EXPRESSÃO DE CADELA COM SAUDADE







Cadela quando sente saudade do Dono fica assim...
nessa nostálgica expressão.
Imagina então como não fica uma serva...!

quarta-feira, 29 de março de 2017

NO SILÊNCIO DA NOITE



na quietude da noite
um turbilhão de desejos
cheio de mistérios e recato 
emolduram o corpo

emudecido de paixão e tesão
porque na noite de Tua ausência...
o silêncio é que fala 
através dos toques...
ou não...



domingo, 19 de março de 2017

QUIERO BEBER...








“Quiero beber de tu fuente desnuda, 
puedo ahogar tus penas. 
Arderé y te aré arder en vida,
 fuera de las cadenas que te atan.”
 
Scott Weiland