Mostrando postagens com marcador PEDAÇOS QUENTE. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador PEDAÇOS QUENTE. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 21 de novembro de 2017

UM PODER PREPONDERANTE!





Quando de repente aquela convocação ansiosamente aguardada chega:
- Ylena!
A voz do Mestre. O comando do Mestre. O chamado do Mestre!
- Sr? Pode dizer meu Senhor!
E a serva fica à escuta, à espreita, aguardando as ordens que precisas soam daquela boca que transmite desejos e desafios.
O encontro é markado. Putz! Isso é espetacular e ao mesmo tempo desafiador, pois a serva  não se achava adequada para este momento na presença de seu adorado Mestre. Mas jamais cogitaria da possibilidade de dizer um NÃO. Sob hipótese alguma! Tinha  um compromisso com a saúde e não poderia  faltar. Dois interesses importantíssimos ao mesmo tempo. Um teria que aguardar o outro e assim foi feito, de forma compreensiva o Mestre norteou a decisão.
Aquele andar... Uau... Jamais esquecerei aquele andar. Um andar imponente. Audacioso. Dominador. Era Ele. O coração dispara.
A memória viaja. A memória se materializa, os sons se tornam audíveis.  Lembrando os meus gritos dizendo “não” enquanto eu mesma me empurrava para o SIM do prazer do Mestre. Aiai, suspiros...
Queria ter corrido em casa, tomado um demorado banho, lavado cabelos, feito escova (essas coisas de mulher – e não propriamente de escrava), mudado de roupa, colocado a perigosa mala no carro e assim está para o desfrute. Com toda luxúria possível... Mas não foi exatamente assim. Só pude lamentar... e festejar; e como festejei! Sempre é um grande privilégio e um extremo prazer poder gozar da presença do meu Senhor Dom Marka. É incrível como Ele tem esse poder preponderante sobre esta serva. Não há hora, nem lugar, nem clima – faça chuva ou faça sol.
Foi uma eternidade de momentos...  Foi possível fragmentar cada segundo em milhares de minutos e esses minutos se  transformaram em eternidades. Muitas eternidades.  Regadas com sensações extras com aromas de desejos, ao tempo em que se rebuscavam memórias eternizadas no tempo de nossas vidas. Como não lembrar o prazer delicioso provocado entre Senhor e serva e vice-versa? Cada momento foi espetacular, único, markante! Sempre deliciosamente relembrado, desejado e memorizado.
E ali, naquele local, de outrora, Mestre e serva se deliciaram, articularam, planejaram e novos desafios foram introduzidos. E como é sempre bom acarinhar com a língua o prazer do Mestre, sentir a explosão do Mestre aquecendo a boca...
No final do momento, uma venda invisível (olhos fechados) e a serva, ali, naquele cantinho, parada, sendo devolvida para... Para onde mesmo?  Sentiu aquele toque, aquela mão, aquele cheiro... que impregnava o ambiente e depois apenas um bater de porta. Pahhh!  Ao abrir os olhos, a busca pelo Mestre amado, que simplesmente evaporou-se, ficando a serva, ali apenas, num local aparentemente desconhecido. E agora? Para onde seguir? Direita, esquerda, frente, ré?... Decidido: seguir em frente, sempre. Como uma fêmea inteligente, claro, e buscar informações para poder melhor se situar onde estava.  Assim foi feito e chegado a um lugar ‘mais civilizado’ (risos), isto é, mais conhecido. Alívio! (ufa!).
Meu Senhor gosta de provocar nessa serva todos os efeitos de Sua dominação. E o pior (ou melhor, já nem sei), é que eu simplesmente adoro isso. 




segunda-feira, 6 de novembro de 2017

EU VOU TE PROVOCAR

Eu vou te provocar a tal ponto
 - com minha entrega  -
que quero ver  tua face
- mesmo de olhos vedados -
delirar com a minha dor.
Quero te sentir gozar
- loucamente e sem razão -
com o meu gozo entre tuas mãos...





domingo, 5 de novembro de 2017

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

ALTA TENSÃO




Bruna Lombardi

Eu gosto dos venenos mais lentos
dos cafés mais amargos
das bebidas mais fortes
e tenho
apetites vorazes
uns rapazes
que vejo passar
eu sonho
os delírios mais soltos
e os gestos mais loucos
que há
e sinto
uns desejos vulgares
navegar por uns mares
de lá
você pode me empurrar pro precipício
não me importo com isso
eu adoro voar. 


domingo, 22 de outubro de 2017

PROTEÇÃO



 



Cada momento é único:
do cuidado  ao ensinar
do ensino aprendido
ao momento vivido
Isso é mais que zelo: é proteção! 


sábado, 7 de outubro de 2017

NÃO SEI... MAS SEI





Não sei o que mais me perturba vindo de Ti

Se a impetuosidade de Tua chegada

Ou se esta calmaria de Teus gestos...

Descobri, no entanto, que

Qualquer que seja a situação

Tu provocas em mim um turbilhão de sensações

Que markam meus momentos...

Com muita paixão! 

terça-feira, 3 de outubro de 2017

MESTRE, TU ÉS MINHA FANTASIA REAL!





Dom Marka
Tu és a minha fantasia real, que toca em sinfonia  esses persistentes desejos de fêmea-serva que minha alma nutre por Ti.
Tu és meu destino certo.
Vem entrando, vem chegando, vem markando, deixando aqui um fio, uma luz de esperança. Pois tua proximidade descompassa meus compassos.
A tua presença mexe com meus sentidos, acelera meu coração e me faz Te desejar presente, sempre mais perto... Estarei sempre à disposição para servir ao Mestre! Para mim não há distância para o prazer de a Ti servir.

sábado, 30 de setembro de 2017

MEU SENHOR DO MAR E DO AMOR.

Gosto deste texto do Nereu



Nereu Airto

AH,quando meu SENHOR,
chega como o mar revolto,
sei que de nada adiantará
eu pedir clemência,
devo-lhe total obediência, subserviência.
DO mesmo jeito que o mar
quebra nos rochedos com violência,
ele quebra em mim
com a mesma força e impetuosidade.
Com seu olhar fulminante ,
ele me deixa molhada com
aquele medo excitante.

ELE é tão sedutor,
meu SENHOR do mar e do amor.
ELE trás na mão um chicote e uma rosa.
ELE me beija e num repente
me joga no chão,
estapeia minha cara
e me dá a opção:

 - ESCOLHA serva, qual presente quer ganhar,
decida entre o chicote e a rosa
com o que você ficar?
EU beijo aqueles pés,
sou tão crua e fiel,
e faço minha escolha.
- O chicote meu Amo,
por ele em meu corpo, eu clamo!
ELE me beija com doçura e fala:
- BOA escolha cachorra!
ELE me põe de quatro
e açoita minhas ancas,
que queima e ardem,ele ordena:
- NÃO chore minha Morena.
EU estou a mercê
sou dele,e tenho que obedecer.

ELE para de me açoitar me leva pra cama
e começa a me acarinhar,
beijos suaves na boca,no pescoço
suas mãos fortes passeiam em meu rosto,
eu gozo,só naqueles toques
tão suaves em contraste
com a minha carne que arde.

QUE louca viagem ele me proporciona
só ele assim me domina e me ama.

ELE pega as rosas e vai despetalando-as,
jogando no meu corpo moreno adornando
e perfumando aquele ato obsceno.
ELE mordisca meu grelo duro excitado,
eu sou tão dele em
devaneios do pecado.
ELE pega o cabo da rosa,
e passeando no meu corpo seus espinhos
me deixam aflita,
seios, pernas, vagina, aquela tortura que alucina
eu tremo e de novo gozo
ELE me bate com os espinhos eu aguento,
esse delicioso tormento
ele abre minhas pernas
observa meu sexo ensopado
meu corpo suado expele um cio entorpecedor
meu corpo arde com as marcas que ele deixou.
ELE brinca com os dedos na minha vulva,
depois penetra em mim com força
Ahh, quando ele vem assim me possuir
como mar revolto,
eu sei que será inesquecível ,
ele um mar em fúria de
desejo e luxúrias, meu SENHOR
logo goza na sua dama impura,
assim como o mar calmo e sereno
agora descansaremos,
ele agora tão tranquilo parece um menino,
eu posso beijá-lo, acariciá-lo(?)
mas ai de mim se contrariá-lo
se na virada da maré eu não ser de
novo sua mulher.