Mostrando postagens com marcador VELAS. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador VELAS. Mostrar todas as postagens

domingo, 15 de outubro de 2017

CINTOS QUE FAZEM SENTIR


Cintos que markam
momentos que se eternizam
Tente experimentar essa vibração!

















É ASSIM





Qualquer entrega é assim:
completa  
desde que haja
uma confiança plena, 
mútua e responsável.
Meu amado Senhor, 
Tu me fazes a Ti me entregar
sem reservas...
De forma sutil,
inabalável e markante!


terça-feira, 3 de outubro de 2017

VELAS... O PRAZER QUENTE








quem brinca com fogo não é para se queimar
e sim,  apenas brincar!
o Mestre aprecia parafina,
adora brincar com fogo
e eu, uma simples serva
quero sentir todas as sensações que este calor produz 
através de seu fetiche...
pois seu domínio é minha doce e amarga prisão
Com o mestre eu vou... sigo para qualquer rumo
É nele que  eu sempre me perco, me acho...
Mestre, deixe-me chegar ao meu limite insuportável...



terça-feira, 29 de agosto de 2017

JÁ NÃO SEI


Não sei se é lucidez ou loucura
Mas Tu não sai do meu pensamento
Já não sei se durmo ou acordada estou
Pois Tua voz sussurrada em meu ouvido ficou
E assim também não sei
Se vou me perdendo ou me encontrando
Só sei que em sonhos eu Te busco
nessa loucura da minha lucidez.

quinta-feira, 20 de julho de 2017

O CORPO - O TEMPLO



CORPO
templo do servir
templo de recebimento
templo de entrega
templo de prazer
templo...
é no corpo que os deuses recebem as melhores oferendas
é no corpo que homem e mulher saciam suas libidos
é no corpo que se acoplam prazeres...
cuide do seu corpo
cuide de seu templo
cuide de seu prazer...

sexta-feira, 7 de julho de 2017

segunda-feira, 3 de julho de 2017

CÁLICE






O que eu quero?! 
O mesmo que Tu queres:
horas e horas represadas
em puro tesão, prazeres e dedicação.
Um cálice sem que ninguém tenha de calar-se.
Com gemidos e gritos...
gozos escorridos e colhidos
como  brinde de celebração!

 

 

quinta-feira, 29 de junho de 2017

OUSE SENTIR...





 

 
 


ousarias
sentir 
o calor
 que 
o prazer 
provoca
?

INUNDAÇÃO





Tu chegas com Teu prazer
fazendo meu prazer vibrar,
e vai inundando meu ser 
com expressões sem falas,
banhando-me sem água,
com todo Teu prazer de prazer;
e eu me afogo em delírios de Ti!
Molhas-me, Mestre!